DESENVOLVIMENTO PROFISSIONAL

CONSELHO REGIONAL DE CONTABILIDADE DO ESPÍRITO SANTO

A Vice-presidência de Desenvolvimento Profissional é composta pela Câmara de Desenvolvimento Profissional com competência para:

• Coordenar os trabalhos da Câmara de Desenvolvimento Profissional;

• Distribuir os processos para relato na Câmara de Desenvolvimento Profissional;

• Coordenar assuntos relacionados à organização e realização de eventos estaduais.

Compromisso Legal

De acordo com a Lei 12.249/10, o Conselho Federal de Contabilidade irá regular acerca dos princípios contábeis, do exame de suficiência, do cadastro de qualificação técnica e dos programas de educação continuada; e editar Normas Brasileiras de Contabilidade de natureza técnica e profissional.

Objetivos

• Organizar eventos que busquem a valorização profissional;

• Proporcionar a capacitação profissional das diversas áreas da contabilidade;

• Agregar valor ao ensino da contabilidade nas instituições de ensino superior;

• Promover discussões e debates acerca da legislação da profissão contábil;

Contatos:

Vice-presidente de Desenvolvimento Profissional: Contadora Carla Cristina Tasso

Chefe do Setor de Desenvolvimento Profissional: Erika de Oliveira Correa Viana
Telefone: 3232-1608 – email: erika.viana@crc-es.org.br

Desenvolvimento Profissional: Davis Berger Gobbi
Telefone: 3232-1609 – email: davis.gobbi@crc-es.org.br

CÂMARA DE DESENVOLVIMENTO PROFISSIONAL

A Câmara de Desenvolvimento Profissional é um órgão deliberativo do CRC-ES e integrada pelo Vice-presidente de Desenvolvimento Profissional, que atua na superintendência, orientação e coordenação dos serviços, além de, 03 (três) conselheiros efetivos e igual número de suplentes, que possuem competência para:

a) organizar e acompanhar as atividades das comissões de estudos e dos grupos de trabalhos;

b) coordenar a comissão organizadora de eventos promovidos pelo CRC-ES;

c) auxiliar o presidente, executando incumbências que lhe forem delegadas;

d) organizar eventos, palestras, cursos e seminários estaduais;

e) promover a educação continuada.