ANTIGA SEDE DO CRCES NO AMES INTEGRA O PROJETO DE REVITALIZAÇÃO DO CENTRO DE VITÓRIA

 

Antiga sede do CRCES no edifício Ames, após 10 anos fechada, será ocupada pela Secretaria de Saneamento, Habitação e Desenvolvimento Urbano (Sedurb), a partir de dezembro. O presidente Roberto Schulze participou na manhã de quarta-feira (3/7), da solenidade de assinatura do contrato de locação do imóvel que atendeu a chamada pública Nº 001/2019 – Locação de imóveis no Centro Histórico de Vitória para Órgãos Estaduais.

Nos próximos meses, o Conselho Regional de Contabilidade do Espírito Santo (CRCES), que é locatário do imóvel no Ames, realizará obras no imóvel para adequá-lo ao recebimento dos 96 servidores da Sedurb. O prazo do contrato será de cinco anos, prorrogável por igual período.

A Secretaria de Estado de Gestão e Recursos Humanos (Seger) realizou a Chamada Pública Nº 001/2019, para identificar imóveis no Centro de Vitória com o objetivo de acomodarem órgãos do Poder Executivo Estadual. O resultado da iniciativa foi positivo e ágil, de forma que, o CRCES e a Sedurb assinaram o primeiro contrato de locação após quatro meses desde a Chamada Pública e agora anunciado, que a Sedurb será a primeira a se mudar para a região.

A secretária de Estado de Gestão e Recursos Humanos, Lenise Loureiro, destacou os objetivos da iniciativa. “Queremos trazer as repartições estaduais para o centro histórico de Vitória, transformando a região no Centro Administrativo do Governo do Estado. Além de reduzir custos com aluguel, essa medida contribui para a revitalização do bairro e aproxima os órgãos e autarquias do Executivo Estadual, melhorando, inclusive, o retorno aos cidadãos”.

O secretário de Estado de Saneamento, Habitação e Desenvolvimento Urbano, Marcus Vicente, ressaltou a disponibilidade da Sedurb para a mudança. “Temos que ser ágeis e eficientes, já que a Sedurb é muito demandada por prefeitos, vereadores, deputados e lideranças políticas. Quando se recoloca uma secretaria para o Centro de Vitória, esse órgão se aproxima de parceiros importantes que aqui estão, além do Edifício Fábio Ruschi, do Palácio Fonte Grande e o Palácio Anchieta”.

Para o presidente do CRCES, Roberto Schulze, a ação será positiva para os capixabas: “É muito bom ver a revitalização do Centro de Vitória na prática, como uma política de governo. A ação é muito importante para a cadeia produtiva do comércio, da indústria, dos serviços. Se a economia está girando, com certeza haverá benefícios para todos”.

   

O presidente Roberto Schulze lembrou que a concretização desta nova utilização para antiga sede localizada no edifício Ames, é o reflexo do trabalho e empenho das últimas diretorias do CRCES, concretizado nesta gestão com o apoio recebido do CFC.